Sterling perde gol ‘inacreditável’, e Chelsea é derrotado pelo Wolverhampton

0
20


Na véspera de Natal, a Premier League não para e, neste domingo (24), Wolverhampton e Chelsea se enfrentaram pela 18ª rodada. No Molineux Stadium, em compromisso que teve transmissão ao vivo pela ESPN no Star+, quem levou a melhor foram os donos da casa, que venceram por 2 a 1.

Com o resultado, os Wolves mantiveram o bom aproveitamento como mandantes no Campeonato Inglês e chegaram ao sétimo jogo consecutivo sem derrota dentro dos seus domínios.

Já os Blues, em situação oposta, perderam a quarta seguida como visitante na disputa e tropeçaram pela terceira vez nas últimas cinco rodadas, desperdiçando também a chance de não se distanciarem tanto dos rivais que estão na frente da tabela.

Assim que a bola rolou no Molineux, o domínio foi dos Blues, que levaram mais perigo do que os donos da casa. Inclusive, com uma chance clara de abrir o placar, após bobeada do volante brasileiro João Gomes.

Após o goleiro José Sá sair jogando mal, o ex-Flamengo tentou o que era possível para dominar a bola e dar sequência à jogada, porém, Raheem Sterling estava atento, retomou a posse e partiu em contra-ataque em direção à área, mas finalizou mal e perdeu uma chance claríssima de gol.

E quem se aproveitou do gol perdido foram os Wolves, que terminaram o primeiro tempo dominando as ações no campo. Os mandantes até tiveram chances de marcar, mas não o fizeram.

Na volta do intervalo, o Wolverhampton seguiu melhor e levou muito perigo após finalização de Toti, dentro da área, que só não foi gol por conta de uma defesa magistral do goleiro Petrovic.

Porém, não teve jeito e, depois de tanto martelarem a defesa do Chelsea, os donos da casa abriram o placar. Aos 6 minutos, após cobrança de escanteio, Mario Lemina testou firme e fez o 1 a 0, levando o Molineux à loucura.

Após o gol sofrido, o Chelsea voltou a crescer no jogo e teve chances claras de empatar, inclusive com uma bola salva em cima da linha por Toti, mas não conseguiram estufar as redes e, com isso, voltaram para Londres sem nenhum ponto na bagagem.

Porém, não teve jeito e, nos acréscimos, os Wolves ampliaram com gol de Matt Doherty, que aproveitou “presente” de Badiashile, que tirou mal a bola dentro da área e deixou livre para o camisa 2 para o 2 a 0 e voltar a marcar após jejum que durava desde agosto.

No fim, Christopher Nkunku, que fez a sua estreia oficial pelo Chelsea no meio de semana, descontou e marcou o seu primeiro gol com a camisa do time londrino após cruzamento de Sterling.

Melhores momentos:

Classificação na Premier League:

  • Wolverhampton: 11° colocado, com 22 pontos

  • Chelsea: 10° colocado, com 22 pontos

Próximos jogos do Wolverhampton:

Próximos jogos do Chelsea:



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here