Richarlison marca, e Tottenham reage na Premier League; Arsenal é derrotado

0
24


O Tottenham passou com autoridade pelo Bournemouth ao superar o rival por 3 a 1, neste domingo (31), pela 20ª rodada da Premier League. O resultado coloca a equipe em quinto lugar com 39 pontos e reabilita o time do brasileiro Richarlison no campeonato. Já o Bournemouth segue estacionado no pelotão intermediário com 25 pontos.

Na próxima rodada, o Tottenham tem uma parada complicada. Enfrenta o Manchester United, em crise, em pleno Old Trafford. A missão do Bournemouth também não é das mais fáceis, mesmo atuando como mandante: o confronto vai ser diante do líder Liverpool.

O Tottenham não demorou muito tempo para balançar as redes. Aos nove minutos, Pape Matar Sarr se aproveitou de um erro da defesa para chutar forte e inaugurar o marcador. O segundo gol veio aos 27 minutos do segundo tempo. Bem posicionado, Heung-Min Son só escorou a bola na pequena área: 2 a 0.

Richarlison confirmou a vitória aos 35 minutos da etapa final aproveitando assistência de Brennan Johnson para fazer 3 a 0. No final, Alex Scott ainda conseguiu descontar, mas já não havia espaço para reação.

Arsenal não retoma liderança

Por outro lado, o Arsenal voltou a desperdiçar a oportunidade de figurar no topo da classificação do Campeonato Inglês ao ser derrotado pelo Fulham por 2 a 1, neste domingo, jogando como visitante pela 20ª rodada da competição.

Este já é o terceiro compromisso seguido em que o time do técnico Mikel Arteta deixa o campo sem vencer. O time, que vinha de um empate e uma derrota, se mantém com 40 pontos e ocupa a quarta colocação. A distância para o líder Liverpool é de dois pontos.

Já o Fulham tem o que comemorar. O resultado interrompe uma sequência de três derrotas, leva a equipe aos 24 pontos, e o time ganha uma certa distância para os rivais que figuram na zona de rebaixamento do torneio.

O Arsenal vai precisar esperar uma semana para buscar a reabilitação, já que sua próxima partida acontece no domingo (7), quando vai receber o Crystal Palace em seu estádio. Um dia antes, o Fulham tenta manter o embalo visitando o Chelsea, no Stamford Bridge.

No jogo, o Arsenal inaugurou o marcador logo aos cinco minutos. Bukayo Saka demonstrou oportunismo ao aproveitar um rebote do goleiro para empurrar a bola para o fundo das redes.

O empate veio com meia hora de primeiro tempo. Tom Cairney fez um cruzamento na medida para a conclusão rasteira de Raul Jimenez: 1 a 1 e pressão dos donos da casa para buscar uma virada.

O gol que decretou a vitória do Fulham aconteceu aos 15 minutos da etapa final. Bobby de Cordova-Reid pegou uma sobra de um chute de João Palhinha e chutou para fazer 2 a 1 e garantir o triunfo.

Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here