compare o elenco do filme com as pessoas reais

0
20


O grupo musical marcou uma geração inteira.

28 dez
2023
– 18h00

(atualizado em 29/12/2023 às 10h27)




Foto: Reprodução/EMI, Edu Moraes, Imagem Filmes / Canaltech

Mamonas Assassinas – O Filme‘ conta a história da banda formada por jovens de Guarulhos e que foi sensação na metade dos anos 90, com uma carreira meteórica que se encerrou de forma trágica em 1996. A cinebiografia retrata o início difícil do grupo, ainda como a banda Utopia, até o seu final.

Por girar em torno de figuras que marcaram toda uma geração, a escolha do elenco do filme precisa ser muito boa para conseguir representar bem Dinho, Sérgio, Samuel, Julio e Bento, seja no início de carreira ou já adorados pelo público brasileiro. Confira quem são os atores que interpretaram o grupo e como eles ficaram no filme.

Dinho (Ruy Brissac)

Conseguir acertar na contratação do ator que interpretaria o vocalista e grande rosto dos Mamonas Assassinas poderia decidir o destino do filme antes mesmo de ele começar a ser gravado. Os responsáveis pela cinebiografia escolheram Ruy Brissac, que já havia interpretado o cantor em “O Musical Mamonas“, e é possível dizer que acertaram em cheio.

Ainda que o roteiro coloque Brissac em cenas com falas que não são particularmente inspiradas, Brissac brilha mesmo nas apresentações em cima dos palcos, inclusive regravando os vocais das músicas dos Mamonas. Em vários momentos, chega a ser impressionante a semelhança do ator com Dinho, algo que impacta bastante quem acompanhou a banda nos anos 90.

Sérgio Reoli (Rhener Freitas)

Boa parte do que impulsiona ‘Mamonas Assassinas – O Filme‘ é o relacionamento dos irmãos Reoli, sendo que Sérgio tem grande destaque na história. O baterista da banda era uma espécie de líder do grupo Utopia ao lado do seu irmão, Samuel, e o núcleo de sua família no filme é a melhor parte da produção.

Isso se dá muito ao trabalho de Rhener Freitas, que representa aquele que era visto como o membro mais contido da banda. Sendo o lado mais responsável e “adulto”, Rhener consegue envolver bem os espectadores ao demonstrar os sacrifícios que está disposto a fazer não só para conseguir que a banda dê certo, mas também para dar orgulho para sua família.

Samuel Reoli (Adriano Tunes)

Ao lado de Rhener Freitas, Adriano Tunes faz um ótimo trabalho no papel de Samuel, o baixista dos Mamonas. Fisicamente bastante parecido com o integrante da banda, seu jeito sonhador e alegre no filme lembra muito as participações de Samuel em programas dominicais durante o auge da banda.

Samuel, ao lado do irmão Sérgio, é responsável pela história que mais envolve o espectador no filme, e ela só funciona de verdade pela atuação da dupla, já que poderia se perder facilmente e cair em um dramalhão sem fim.

Júlio Rasec (Robson Lima)

Talvez o segundo integrante mais carismático dos Mamonas Assassinas, muito por ser o segundo vocalista em músicas como “Vira, Vira”, Júlio Rasec não tem uma participação tão forte no filme como poderia. Isso não é culpa do ator Robson Lima, que apesar de não se parecer tanto quanto o tecladista, não tem um material digno para fazer jus ao músico.

É realmente decepcionante o quão pouco Júlio e o guitarrista Bento aparecem no filme.

Bento (Beto Hinoto)

Falando no guitarrista, Bento era possivelmente o melhor músico dos Mamonas Assassinas, algo que é fácil de identificar escutando qualquer música do grupo. Se em suas participações em programas de TV, Bento parecia brincalhão, ainda que bastante tímido, a segunda característica acabou se fazendo mais presente no filme.

Não dá para reclamar nesse caso porque o guitarrista é interpretado por Beto Hinoto, sobrinho de Bento e que se parece bastante com o tio, inclusive tocando guitarra nas cenas musicais do filme.

Mamonas Assassinas – O Filme‘ está em cartaz em cinemas de todo o Brasil.

Trending no Canaltech:





Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here